A última segunda-feira de uma semana cheia do mês de janeiro é o dia mais triste do ano, pelo menos para os britânicos. É o que diz um estudo científico realizado nas terras da Rainha.

A ciência também tem seus momentos de leveza e curiosidades como este interessante estudo de Cliff Arnall, ex-acadêmico da da Universidade de Cardiff, no País de Gales.

TristezaEle chegou a uma equação para definir o que por lá é conhecido como Blue Monday (segunda-feira depressiva) e que segundo estatísticas afeta até 30% dos britânicos.

O estudo levou em conta fatores como a estação do ano, tempo que passou desde o natal, dívidas de fim de ano, resoluções não cumpridas, falta de sol, entre outros. A conclusão é que devido ao inverno rigoroso no hemisfério norte, combinado com a tradicional depressão natalina, as dívidas do começo do ano e o fracasso em cumprir metas estabelecidas para o ano interior junto com o “despertar” para mais um ano fazem de janeiro o mês mais triste por aquelas terras.

Para culminar, as segundas-feiras que típicamente já são pavorosas ficam potencializadas. Este ano, o dia mais depressivo no Reino Unido foi o dia 21 de janeiro.

Por outro lado

Quando o sol aparece, a sexta-feira chega e o fim do ano ainda está longe, tudo parece uma maravilha. O dia 27 de junho deve ser o dia mais feliz do ano para os súditos da Rainha.

Já no Brasil

Acredito que aqui a equação não se aplica, basicamente pelo fator climático que é invertido em relação ao hemisfério norte mas certamente estamos bem melhores que eles neste ponto.

Fonte: BBC Brasil, MSNBC

Postado por Tags: , , , , , , , Categorias: Arte & Cultura, Ciência & Tecnologia, Curiosidades
653

Comentários do Facebook

Possuímos dois sistemas de comentários, você pode escolher o que mais lhe agrada. :-)


Comentários do Blog

Deixe uma resposta