image

Faz algum tempo que leio bastante sobre a grande polêmica do macacão/roupa/maiô, de competição que a Speedo fabricou. Com materiais e ajuda da NASA, a empresa fabricou um uniforme de competição, que é quase uma unanimidade entre os atletas profissionais e que faz com que eles quebrem seus próprios recordes mundiais. A roupa vem gerando uma grande polêmica, pois muitos dizem que ela é uma espécie de “dopping”.

Vou tentar explicar (mesmo eu não sendo a pessoa do blog mais indicada a fazer isso, visto que, o Alexandre entende muito mais de ciência do que eu) o porque disso tudo.

O Design

Totalmente sem costuras, ele é soldado por ultrassom, tornando a roupa lisa e conforta´vel para o atleta. Têm somente um zíper de fechamento, mas quase imperceptível.

O tecido é leve e ainda repele a água, o que reduz muito o atrito do nadador com a água. O Material é parecido (se é que não é o mesmo), com o Teflon usado em panelas e frigideiras. Para quem tem alguma experiência na cozinha, fica mais fácil de entender.

Contém um estabilizador na base da cintura, o que permite ao atleta, uma posição ideal na hora do nado.

image

Muito se tem falado sobre essa roupagem nova na natação, mas o meu pensamento é sempre o mesmo: – Continuam ganhando os melhores. A Olimpíada logo começará, daí vamos finalmente separar o joio do trigo…. mas aposto que todo o trigo estará usando o LZR…

 

Fontes: Estadão, Globo Esporte e Google

Postado por Tags: , , , , , , , , Categorias: Ciência & Tecnologia, Esporte
790

Comentários do Facebook

Possuímos dois sistemas de comentários, você pode escolher o que mais lhe agrada. :-)


Comentários do Blog

9 Comentários

  1. White disse:

    Fabricado em Portugal e com tecnologia portuguesa? Gostava muito de saber mais sobre isso. Quem fabrica? Onde?

    Obrigado João

  2. Anônimo disse:

    No Brasil já chegou?

    Mais o que me deixou mais curioso, foi o fato dela só ser util 10x .

  3. Vitor disse:

    é portuguesa mesmo

  4. Anônimo disse:

    Tecnologia portuguesa?

    que nada..se for assim phelps não tinha batido recorde

  5. Luis K. W. disse:

    O Speedo LZR é bom talvez porque é feito em PORTUGAL com tecnologia portuguesa.
    Essa das técnicas extraterrestes (ou da NASA) é uma treta!
    Luis
    Lisboa-Portugal

  6. psysapiens³ disse:

    fotinha de Michael Muller http://www.mullerphoto.com/
    vamos lá,
    este lance de roupa e considerado como dopping e balela. sou atleta de Aggressive In-Line, e não tenho o melhor patins, cheio de plates e tal, mas isto não impedi que execute as manobras(por mais que sejam feias comparadas com atletas profissas). a questão é: quando a pessoa e boa ela vai ser reconhecida e logo mais vai pertencer a um escalão de atletas com bons equipamentos. Ronaldinho fenômeno não começou sua vida de de jogador usando chuteiras da Nike com couro revestido de nanocerâmica e pinos de titânio.
    blog show de bola, parabens!
    sucesso!!!

  7. Esta parece uma polêmica semelhante à que houve uns 8 anos atrás quando os primeiros trajes de natação integral começaram a aparecer imitando pele de tubarão com micro escamas que direcionavam o fluxo de água reduzindo o atrito e melhorando os movimentos.
    Quanto aos melhores ganharem, bom, normalmente eles são os primeiros a receberem as novidades então não temos como saber se eles ganhariam de fato se não tivessem o novo traje e um dos não-melhores tivesse.

Deixe uma resposta