Bem, vou confessar que eu esperava que esse filme fosse uma grande porcaria, uma decepção sem tamanho. Mesmo tendo escutado algumas críticas positivas de quem já tinha assistido, eram pessoas que não foram criadas assistindo o desenho então mantive minha opinião – reforçada pelos trailers que vi – de que o filme seria praticamente um desperdício de dinheiro. E qual não foi minha surpresa? Eu gostei do filme! E quanto mais lembro dele, mais acho que é muito bom e merecia até mesmo uma continuação.

É bom que fique claro que não é uma filmagem em película do desenho animado, seguindo absolutamente cada fotograma. E não é um filme que se propõe a ser realista também. É um filme estiloso, com uma cara própria e diferente da maioria das coisas que já se viu. Ele homenageia o desenho animado em geral, especialmente os animês. Mistura a personalidade de um filme com a de um desenho. E o resultado, ao contrário do que eu esperava, ficou bom.

O desenho clássico do Speedy é homenageado e reverenciado o tempo todo. Além dos atores serem a cara dos personagens, eles vestem uma hora ou outra a mesma roupa que conhecemos. E sem ficar ridículo. Apenas as iniciais bordadas não são usadas, já que elas só faziam sentido com os nomes japoneses. Os carros também estão iguais, algumas falas e situações também serão reconhecidas pelos fãs.

Eu achava que um Mach 6 seria heresia, mas ele só aparece no final e não é fora de contexto, já que outros modelos foram feitos no desenho também. E o grande astro ainda é o Mach 5. Aquele macaco hidráulico que faz pular é usado o tempo todo, com o som que sempre adorei (tointointoin). Aliás, falando nisso, já publicamos em um post do NewsErrado uma visão artística de como seria um MechWarrior-Mach 5.

Aquelas corridas que parecem pista de carrinhos Hot Wheels até que são interessantes, mas eu as aceitei de bom grado porque também mostraram um típico rally pelo deserto e pelas montanhas, que não faltava em nenhum episódio animado.

A modernidade futurista contrasta com visual dos anos 60, usado inteligentemente. A música tradicional não toca inteira durante o filme, mas alguns trechos dela tocam o tempo todo, dando bastante emoção (o filme dos X-Men bem que poderia ter usado alguma coisa da música do desenho animado também).

Cortes no tempo são feitos de forma rápida, indo e voltando de diversos flashbacks, o que pode afastar a platéia de meio neurônio, porque os que possuem ao menos dois não terão dificuldades em entendê-los. O problema é o filme estreiar quase junto de Homem de Ferro, um filme perfeito que deve agradar a um público maior e do Indiana Jones, que só pelo nome e pela música deve deixar os outros concorrentes na lanterninha.

Ainda assim, espero que Speed Racer faça muito sucesso pra que possamos vê-lo enfrentando a equipe vilã de carros vermelhos ou o terrível caminhão-mamute. Esse filme é daqueles que eu recomendo você ver no cinema, aproveitando toda a emoção, som e imagem como foram feitos pra ser apreciados. Deixe pra fazer download de porcarias low-budget, não de uma obra como essa.

Abaixo um video-clip oficial do filme, e nesse post do NewsErrado as aberturas do desenho animado (clássica em 3 idiomas e de duas versões mais novas).

Postado por Tags: , , , , , , Categorias: TV & Cinema, Veículos
864

Comentários do Facebook

Possuímos dois sistemas de comentários, você pode escolher o que mais lhe agrada. :-)


Comentários do Blog

Ninguém comentou ainda, seja o primeiro.

  1. mario jorge disse:

    isso mesmo !
    pague caro por n poder esperar 1 dia.

  2. não espere… quinta é feriado e deve ter pré-estréia!

  3. Carol K. disse:

    Eu vou assistir pq sou fã do Indianna (e tem a Cate Blanched, tbm), mas como eu disse estou com medo de me decepcionar, mas pelos trailes, concordo com o Antonio, acho que não ficou ruim, não! Vamos esperar até sexta…daí eu te conto a minha opinião! :)

  4. mario jorge disse:

    n deveriam fazer novos filmes do indiana jones!!!!
    vai acontecer a mesma m* q aconteceu ao star wars mesmo a nova triologia sendo boa simplismente n alcançaria a espectativa GIGANTESCA dos fãns fanaticos e o mesmo vale pro
    indiana jones .

  5. o trailer tá legal, pelo menos.

  6. Carol K. disse:

    Ainda não vi o filme, mas essa semana eu vou assistir. Qto ao Indianna, estou com medo de assisti-lo e acabar com todo ideal que tenho do personagem! rsrs

  7. que spoiler?? Nos carros tinham alguns spoiles, aerofólios, etc…

  8. Henrique Hübner disse:

    Eu eu meu filho de 5 anos saímos emocionados do cinema no sábado da estréia.

    Estou muito grato aos produtores por terem feito um filme seguimentado aos fãs do anime!

    Os critícos assassinaram o filme, que na sua “putice” sem tamanho, meteram pancada do início ao fim na imprensa.
    (http://darthmojo.wordpress.com/2008/05/15/movie-review-the-assassination-of-speed-racer/)

    Estou me lascando para que esses calhordas que falam na imprensa falam sobre o filme!

    Já fiz referência ao filme no “O Globo” e no “Vintege 69”

    http://oglobo.globo.com/cultura/mat/2008/05/08/critica_speed_racer_uma_bad_trip_-427288447.asp

    https://www.blogger.com/comment.g?blogID=6174640129188168156&postID=8398413795320339339

  9. Ah, boa lembrança! O Carro da Petrobrás é visto no grid de largada da última corrida, o tal Grand Prix. Se não me engano o Speedy está andando entre os carros e temos uma bela visão lateral do carro da Petrobrás. Bem focado, fácil de ver, mas por alguns segundos apenas.
    Provavelmente o contrato de patrocínio dela não é apenas por esses segundos e sim para aparecer em quadrinhos, album de figurinhas, brinquedos, etc.

  10. mario jorge disse:

    bom…faltou falar do corredor x q eh o personagem estiloso do filme , estando perfeito!!!
    a unica coisa q precisava ser mudada eh q corredor x n combina com carro colorido=(
    outra coisa….o carro da petrobras eh impossivel d se ver no filme , e olha q eu vi o filme 2 vezes.

Deixe uma resposta