O Horário de Verão chegou e, finalmente, vou ser obrigada a fazer duas coisas das quais eu não fui educada: acordar cedo e economizar energia.

As pessoas que ficaram presas numa caverna durante as últimas décadas não sabem que essa idéia foi de, nada mais, nada menos, Benjamin Franklin com o objetivo de melhor aproveitar as horas de sol, uma vez que não existia luz elétrica naquela época.

Mas, quem teve coragem de adotar oficiamente tal medida foram os alemães, na Primeira Guerra Mundial. Só num momento desses, mesmo, para convencer, de bom grado, a população a acordar uma horinha mais cedo.

A finalidade do horário de verão, no entanto, não é apenas torturar a “parcela boêmia” da população. No período de 19 (de outubro) até o dia 15 de fevereiro do ano que vem (2009), nosso país pretende diluir os horários de pico e até mesmo contribuir para a conscientização da necessidade de reavaliar certos hábitos de consumo de energia.

Alguns médicos, (devem ser boêmios, também), acreditam que esse tipo de mudança pode alterar nosso relógio biológico, prejudicando até mesmo nossa saúde. Eu me pergunto: acordar com a luz do sol e dormir quando o sol se põe, não é uma coisa “natural”, então qual o pejuízo, já que naturalmente os dias são mais longos no verão e, o óbvio lulante, as noites mais curtas? Já que estamos falando de relógio biológico, acordar com o barulho de um despertador também não afeta meu relógio biológico? Dormir com a Princesa (rotweiller da minha vizinha) latindo ou mordendo uma garrafa pet, não prejudica meu relógio biológico, também? (São perguntas retóricas!!!)

Para aqueles que se sentem prejudicados, (não é o meu caso, sou super adaptável), algumas dicas para aliviar esse período infernal (no sentido de ser quente!):

Acordou cedo, tente dormir mais cedo. Fazer o quê, né? A adaptação vai ser menos sofrida.
– Fome na hora errada? Como alguma fruta, um cházinho, água ou suco até o horário de verão da refeição.
– Toma anticoncepcional? Relaxe, fofa! É só continuar tomando no horário de sempre. Tomava ás 10h no horário antigo, passe a tomar ás 10h do horário novo.
– Manter a rotina do horário antigo, também ajuda bastante.
– Evitar dormir no período da tarde, assim fica mais dificil pegar no sono à noite.
– Evite se entupir de cafézinho para se manter acordado durante o dia.

Além dessas, você tem alguma dica?
No mais, bom horário de verão!

Postado por Tags: , Categorias: Editorial
2764

Comentários do Facebook

Possuímos dois sistemas de comentários, você pode escolher o que mais lhe agrada. :-)


Comentários do Blog

12 Comentários

  1. lidiane disse:

    e muito legal

  2. Carol disse:

    Vulgo “Aidemin”…é que eu sou difícil. Obrigada…não some, …hehehehe

  3. Carol disse:

    Ribeirão Preto é um inferno de quente mesmo, né, Rogério?? E o verão nem chegou ainda….hehehe

  4. Putz, Carol, de que cidade vc é???

    Minha filha entra às 7h na escola e no caminho passamos em frente ao termômetro da Vargas. Todo dia está 25 graus, logo de manhã… Ninguém consegue dormir depois das 8h por aqui.

  5. Aidemin disse:

    Respeito!? Com qual parte? Com a de ser mujer ou ter tomado o blog de assalto? Mulherada realmente num manja nada de elogio!!! :-/ Bjos, moça…

  6. Carol K. disse:

    “E no fim essa mulher tomou o blog de assalto mesmo!!!”
    :/

    eu exijo mais respeito!!!!

  7. Seu Aidemin insolente, meu relógio está correto, aprume-se, vivente!

  8. Aidemin disse:

    PS: A parte do anti-concepcional foi totalmente excelente! ahauahauhaua ´s!

  9. Aidemin disse:

    E no fim essa mulher tomou o blog de assalto mesmo!!! ahauahuahauhaua Pros Nerds e pros users, como o Kosh, que nunca acertam o relógio do PC, vai meu tradicional post de Horário de Verão: http://aidemin.spaces.live.com/blog/cns!9AEEBAA23B6E9696!296.entry

  10. Por mim podia ser o tempo todo assim, aqui no sul é mais acentuada ainda a diferença, quando eu morava lá em Bagé (fronteiro com o Uruguai), lá pelo fim de Dezembro era possível ter alguma luz natural perto das 22 horas.

  11. PS: bem legal essa imagem que vc garimpou!

  12. Não entendo como alguém pode ter problema de “adaptação” com a mudança de uma simples hora. E uma mudança que visa adequar o relógio com a realidade. Eu não consigo é dormir horas e horas com o sol já a pino. Amanheceu? Eu acordo.
    Resumindo: eu não gosto desse horário, eu AMO o horário de verão!
    O dia dura mais, quando saímos do trabalho não tem a sensação que perdemos a vida toda no escritório. Sentimos segurança para sair na rua mais tempo, enfim… tudibão!

Deixe uma resposta