Em período de férias, o NewsErrado marca presença no Canadá através da sua correspondente (momentaneamente) internacional.

É o BNE atravessando as fronteiras geográficas e se espalhando pelo mundo!

Conheci Montreal no inverno: é uma cidade linda! E gelada. Pra qualquer lado que se olhe, está tudo coberto de neve, branquinho, branquinho…

Montreal fica na província de Quebec (a única província canadense cuja língua oficial é o Francês) e é conhecida pela sua abertura cultural. Andando pelas ruas, pelos shoppings, pelos metrôs, percebe-se a variedade de etnias que essa cidade abriga e abraça.

Por falar em metrô, esse é outro ponto que me chamou a atenção por aqui: a facilidade que é andar com transporte público. As linhas de metrô abrangem grande parte da cidade. Os principais pontos turísticos são de fácil acesso a partir das estações de metrô, sem contar a cidade subterrânea, que interliga várias estações de metrô através de centros comerciais, edifícios empresariais, hotéis, restaurantes, tudo sem precisar subir à superfície, o que é ótimo no inverno forte que faz aqui.

Voltando à beleza da superfície, salta aos olhos a quantidade de parques dessa cidade. Durante o inverno eles não podem ser muito aproveitados, já que ficam cobertos de neve, inclusive as passagens, lagos, bancos, etc. Mas ainda assim têm uma beleza  paisagística. Fico imaginando como seria a cidade no verão… Quem sabe um dia eu volte, não é memso?

Da janela do apartamento, consegui contar 13 igrejas. Dá pra imaginar o núnero de igrejas que tem na cidade toda? Não encontrei o número exato, mas o seguinte texto na Wikipedia:

Montreal, nicknamed the “City of Saints” or the ville aux cent clochers (city of a hundred bell towers), is famous for its many beautiful churches. There are four basilicas located in the city, as well as six cathedrals of various denominations.

Em tradução livre, diz que Montreal, apelidada de “Cidade dos Santos” (ou a cidade de centenas de torres de sinos), é famosa pelas suas muitas e belas igrejas. Existem quatro basílicas localizadas na cidade, assim como seis catedrais.

Uma coisa que não gostei durante essa viagem não tem relação com a cidade em si, mas com sua posição geográfica: durante o inverno, escurece as 16h30!! Pra quem só viveu em país tropical, é muito estranho ver o céu completamente escuro no meio da tarde! Parece que o dia ta acabando, mas ainda tem muito dia pela frente… E quando encontra um vizinho as 17h se cumprimenta com bonjour ou bon soir?? Ó dúvida cruel!

Quanto à gastronomia, nada de muito relevante, mas duas coisas valem a pena ser citadas: o poutini e o sirop d’erable, duas iguarias típicas daqui:

O Poutini é um prato com batata frita coberta com um molho de carne com bolinhas de queijo por cima, que derretem em contato com o molho quente. Delicioso!

O Sirop d’Erable é um xarope extraído da Maple (traduzindo, é o bordo), aquela árvore típica do Canadá, cuja folha está estampada na bandeira nacional. O xarope pode ser utilizado em várias receitas, muitas vezes substituindo o açúcar, noutras dando um gostinho peculiar aos pratos.

Pra acabar o post, mostro a marca que o NewsErrado deixou em solo canadense:

Postado por Tags: , , , Categorias: Arte & Cultura, Curiosidades
8806

Comentários do Facebook

Possuímos dois sistemas de comentários, você pode escolher o que mais lhe agrada. :-)


Comentários do Blog

9 Comentários

  1. […] 2010 é o ano do Canadá. Primeiro, e mais importante, Montreal está recebendo a visita de uma grande colaboradora do NewsErrado. Além disso, a cidade de Vancouver irá sediar em fevereiro os Jogos Olímpicos de Inverno, mais […]

  2. Uêêêêêpa!!! É o BNE atravessando fronteiras…

  3. Ricardo disse:

    Muito bom conhecer um pouco mais desse nosso planeta pela sua percepção!
    Lindo lugar e ótima descrição…

  4. Carol disse:

    ai q chique!

  5. Tamos chiques … post escrito debaixo de neve. e nem precisamos pagar por isso.