Apolo 11 launch, time, altitude and speed

vvvvvvuuuussshhhhhhhhhhhhhhh

Quem nasceu no milênio passado, e algum tempo antes de calculadoras e planilhas, e, principalmente, acompanhou a corrida espacial, pode ter tido uma curiosidade…

Qual a velocidade de um foguete?

Tá bom, tá bom… Jules Verne  já havia mostrado em Da Terra à Lua um pouco da matemática sobre a velocidade de escape e outras questões técnicas e logísticas ainda no século retrasado. Mas se ainda assim não for o suficiente, vamos mastigar números :^)

Pra ajudar, alguém conseguiu ou estimou a ascensão da Apollo 11, e fez um vídeo (resumido e acelerado na animação ao lado) mostrando o tempo de vôo, altitude e velocidade.

Só pra comparar, o que se considera atualmente, nos anos dez do século XXI, de um carro que chega de 0-100km/h em dez segundos? No mínimo “normal”…

E até meio ruinzinho 😛

E até é fácil pensar em 200 por hora em vinte segundos. Isso para um charuto de quase 110m de comprimento e um montão de toneladas que era o Saturno V.

Mas que tal estar a quase MIL POR HORA em um minuto? E ter se deslocado 54km em dois minutos e meio. Distância que equivale a ir em linha reta  da Estação da Sé ao litoral de Santos  – ou de Almirante Tamandaré a São José dos Pinhais, ida e volta – ou Nova Iguaçu até Duque de Caxias, via Cristo Redentor.

Saindo de um portal?

Eis alguns valores retirados do vídeo:

Tempo Altitude Velocidade Velocidade
s m m/s km/h
5 30,3 11,5 41,4
10 120 24,4 87,84
20 503 55,6 200,16
30 1220 95,1 342,36
60 5830 268 964,8
120 31000 1299 4676,4
150 54100 2322 8359,2

 

Divertido, né =D

Bueno, a dúvida é, de fato:

A barreira do som afeta mesmo a velocidade da nave??

Agora, de-ga-va-ri-nho… o momento do sonic boom.

Comparando com a famosa foto que já andou pela caixa de entrada do email de todo mundo dá pra notar a condensação de umidade que a pressão do ar faz em torno do veículo.

Condensação pela pressão do ar ao romper a barreira do som

 

Agora, rufem os tambores!!! O tira-teima!

Sabemos que a velocidade do som é 331,3 + 0,6 T (⁰C) m/s. [ei! não é 340? a 15⁰C, sim é, se estiver fazendo 30⁹C, a velocidade já é 350]

De novo, dos valores retirados do vídeo, dá pra notar que por um minuto a dificuldade de tirar esse trambolho barulhento do chão. Então, acelera suavemente, fazendo um joelho (sim, esse é o nome técnico!) no gráfico que mostra que a velocidade aumenta mais rápido.

Lembrando, os meninos ali dentro eram pressionados por 4G 😯

Velocidade x Tempo de vôo

Em resumo, vamos e convenhamos, pra fazer esse monstrengo com certeza é preciso muita vontade, amor e inteligência;
um ato místico!

Vídeo da fonte dos dados

Outras informações sobre o vôo do Projeto Apollo

Rompendo a barreira do som

Postado por Tags: , , , , , , , Categorias: Ciência & Tecnologia, Curiosidades, Veículos
20826

Comentários do Facebook

Possuímos dois sistemas de comentários, você pode escolher o que mais lhe agrada. :-)


Comentários do Blog

3 Comentários

  1. […] Por estes dias, há 45 anos atrás, estava em vôo a primeira tripulação que conheceu outra rocha do universo. A tripulação da missão Apollo 11 esteve na Lua, impulsionada por umas das máquinas mais magníficas já criadas, a Saturno V. Para conhecer e se impressionar com a velocidade deste foguete, confira a análise dos minutos iniciais a partir da decolagem, com detalhe sobro o momento em que rompe a barr… […]

  2. […] Neste último, repare na entrelinhas que não é uma apologia ao coração frio das máquinas. Ali se vê justamente a capacidade humana de dar seu coração à matéria. Já escrevi um pouco sobre isso no blog de um amigo, sobre o projeto Apollo 11. […]

  3. jic disse:

    Bacana que no trailer do filme Man of Steel mostra o Escoteiro Azul rompendo a barreira do som!

    http://aitiachica.tumblr.com/post/28277151410/man-of-steel-sonic-boom

Deixe uma resposta