Ilustrações proibidas de Salvador Dali para a “Divina Comédia” de Dante Alighieri são liberadas na internet

No fim dos anos 50, A Divina Comédia de Dante Alighieri estava às vésperas de completar 700 anos. Para celebrar o marco, em 1957, o governo italiano contratou o mestre da pintura surrealista, Salvador Dali, para fazer 100 pinturas ilustrando o clássico maior da poesia épica italiana, que deveriam ser completos até 1965, quando o livro completaria sete séculos de existência. Mas por extrema pressão popular, onde a população rejeitou a ideia de ter um espanhol levando os louros sobre um livro italiano, o projeto acabou sendo abandonado pelo contratante.

Mesmo assim Dali continuou pintando por sua própria vontade e concluiu o projeto sozinho. Com marcas claras de seu estilo tradicional, o pintor completou as 100 aquarelas que ilustram os três livros de A Divina Comédia: “Inferno”, “Purgatório” e “Paraíso”. Após terminar, Dali entregou os originais para dois entalhadores, que passaram cinco anos transformando as pinturas em 3.5 mil placas de madeira para a reprodução em massa das pinturas.

Quase cinquenta anos depois, a Biblioteca da Universidade de Illinois (nos EUA), digitalizou todas as ilustrações de Dali para a Divina Comédia e publicou-as na internet, onde os editores do site Open Culture as encontraram e divulgaram na rede. Apesar de ainda disponíveis em dezenas de volumes bibliográficos, agora é possível admirar o ponto de vista de Dali para o clássico de Dante sem gastar um tostão.

Na galeria acima você vê algumas das ilustrações de Dali para a Comédia de Alighieri. Para ver mais, passe no site da Lockport Street Gallery, onde todas as gravuras tiradas dos originais ainda estão disponíveis para compra na internet. Todas elas estão legendadas com as observações do próprio pintor.

Confira na galeria abaixo todas as imagens do pintor:

Vai lá: www.lockportstreetgallery.com

Postado por Categorias: Arte & Cultura, Imagem
23428

Comentários do Facebook

Possuímos dois sistemas de comentários, você pode escolher o que mais lhe agrada. :-)


Comentários do Blog

Deixe uma resposta