Como o autor imaginava as vozes de Bilbo e Gollum?

gravador antigoEsse post comemora o aniversário de JRR Tolkien, que se fosse vivo hoje celebraria 121 anos (um jovenzinho caso fosse nascido em Númenor).

Segundo a descrição do vídeo, quando Tolkien foi buscar um manuscrito do Senhor dos Anéis na casa de um amigo, em agosto de 1952, ele viu um gravador de som (tape recorder), coisa que nunca tinha visto antes. Perguntou como funcionava e ficou maravilhado com o recurso de gravar sua própria voz e ouví-la em seguida. Seu amigo pediu que ele lesse um trecho do Hobbit, e Tolkien o fez sem precisar pausar ou editar.

O trecho escolhido foi o jogo de adivinhação entre Bilbo e Gollum. Não há legendas, mas mesmo que seu inglês esteja enferrujado, vale a pena conferir a voz do autor lendo sua obra. Achei que ele tem um estilo bom de narração, e, curiosamente, a interpretação de Gollum pelo Tolkien não ficou muito diferente do que Peter Jackson e Andy Serkis criaram para o cinema.

Fonte: SF Signal

Postado por Tags: , , , , Categorias: Curiosidades, TV & Cinema, Vídeo
24597

Comentários do Facebook

Possuímos dois sistemas de comentários, você pode escolher o que mais lhe agrada. :-)


Comentários do Blog

1 Comentário

  1. Muito legal isso aí!

Deixe uma resposta