Confira nossa crítica à refilmagem mais aguardada pelos fãs de terror.

remake de evil dead

Evil Dead, traduzido para o cinema brasileiro como A Morte do Demônio, já é uma franquia clássica na história dos filmes de terror. Ao falarmos desse título, os fãs lembram sempre com carinho das inúmeras cenas memoráveis dessa trilogia dirigida pelo Sam Raimi em inicio de carreira e estrelada por Bruce Campbell, o eterno Ash (por favor, não é o héroi do Pokemon!).

Falar de Evil Dead é se referir a um clássico feito com “uma câmera na mão e uma ideia na cabeça”. E a história bem simples nos apresenta um grupo de jovens, os quais vão para uma cabana isolada para libertarem (sem querer) forças malignas do livro Necronomicon.

Quando anunciaram o remake não foi nenhuma surpresa. Todas as grandes franquias do horror já estavam ganhando roupagens novas para um novo público, entre elas: O Massacre da Serra Elétrica, Halloween, Sexta-Feira 13, Horror em Amityville, Hora do Pesadelo etc. Contudo, a questão que surgiu era sobre a qualidade desse novo capítulo da franquia.

Então? A Morte do Demônio de 2013 é bom?

Sim, é bom. Vários elementos clássicos estão presentes, além de ser bastante violênto e sério. É um filme sujo, escuro e bem-feito. Mas, assim sendo, esse Evil Dead não é um trash e quase não tem nenhum humor. Isso talvez divida opiniões.

Quem prefere o Evil Dead 1 provavelmente vai sair mais satisfeito. Porém, quem curte o Evil Dead 2 – obra tresloucada, a qual mistura terror e o humor negro – vai sentir falta do exagero singular dessa continuação. Mesmo o fim desse Evil Dead 2013 tendo um banho de sangue (literalmente)…

Como ponto positivo, também vale mencionar, que em nenhum momento existe o “abuso” de CGI tão constante em vários filmes atuais. As maquiagens estão excelentes. Todavia, às vezes parece que estamos diante de um filme qualquer dessa nova leva de obras sobre exorcismos porque os possuídos agem diferente da versão original oitentista e as maquiagens não lembram nem de leve o que havia sido feito antes.

cena de evil dead

Olhem para essa foto. Não parece uma possível nova versão da Regan de O Exorcista? Existe ainda uma cena em que uma das possuídas corta a lingua em dois pedaços, igual ao Exorcista, O Início.

Concluindo: vale a pena assistir, poderia ter sido bem pior.

Porém, também dá para esperar mais de uma futura continuação. Quando acabar a sessão, não se levantem rápido das poltronas. Além de uma pequena homenagem em áudio durante os créditos, existe uma incrível e breve cena pós-créditos.

Postado por Tags: , , , , , , Categorias: TV & Cinema
25376

Comentários do Facebook

Possuímos dois sistemas de comentários, você pode escolher o que mais lhe agrada. :-)


Comentários do Blog

Deixe uma resposta